BLOG

DICAS DE ILUMINAÇÃO PARA A SUA CASA


Um dos campos mais fascinantes da arquitetura é a iluminação. Quando bem planejada, ela consegue equilibrar estética e funcionalidade, fazendo com que os espaços tenham conforto luminoso e composições adequadas para cada uso.

Tempo de leitura: 3 minutos.



1. SALAS


Com a configuração dos apartamentos cada vez menores, a sala de estar abriu espaço para outros usos, em muitos momentos ela divide a função com as salas de jantar e de televisão.


A iluminação indireta e é uma ótima alternativa para esse ambiente, pois ela faz com que o espaço fique mais aconchegante e confortável. Além disso, nenhuma iluminação deve se interpor entre a tela e o espectador, para evitar o ofuscamento e reflexo dela luz na televisão.


Sobre a mesa de jantar é importante uma boa iluminação, neste caso é interessante utilizar um pendente ou luminárias embutidas para a iluminação desse espaço.


Devemos iluminar também outros pontos de interesse como aparadores, cristaleiras, vasos de plantas, quadros ou adornos, fazendo com que esses pontos ganhem destaque no ambiente. Para esse tipo de iluminação, o ideal é utilizar luminárias para lâmpadas refletoras e direcionáveis, são os chamados spots de luz.


As tonalidades de luz mais amareladas e quentes são ideais para as salas por criarem uma atmosfera mais aconchegante.


Iluminação: sanca, lâmpadas refletoras e pendente sobre a mesa

Apto 750 | Projeto Studio 697

Iluminação: lâmpadas refletoras em trilho e pendentes no balcão

Casa 64 | Projeto Studio 697


2. QUARTOS


Nos quartos, a iluminação indireta também é interessante, ela pode ser utilizada em sancas ou luminárias. Como esse é um ambiente de descanso e relaxamento, são indicadas luzes amarelas ou neutras. Para os criados, os abajures e pendentes são ideias para uma iluminação de leitura.


Utilizar uma iluminação com fita de led na cabeceira ou prateleiras do quarto é uma ótima opção para iluminação de destaque.


Iluminação: sanca, luminária central com iluminação indireta, lâmpadas refletoras em locais de destaque

Apto 1301 | Projeto Studio 697

Iluminação: pendente na lateral da cama, sanca central e lâmpadas refletoras para leitura

Apto 403 | Projeto Studio 697


3. BANHEIROS


O banheiro deve ter uma boa iluminação na bancada, garantindo que a visualização no espelho não seja distorcida ou prejudicada. Para iluminar as bancadas, as luminárias devem promover uma iluminação difusa, para que os efeitos de sombra sejam minimizados. Para um espelho que será utilizado para maquiagem, o ideal é que a iluminação venha das laterais, podendo ser alcançado por arandelas ou fita de led embutida no espelho.


Iluminação: luminárias para lâmpadas tubulares de LED

Ibis New Concept | Projeto Studio 697 e parceiros

Iluminação: Luminária para lâmpada tubular de LED com lâmpadas refletoras nas laterais e painel de LED

Apto 1301 | Projeto Studio 697


4. COZINHA


Como a cozinha é um local de trabalho, a iluminação mais adequada é a fluorescente ou por painéis de LED. As áreas próximas ao fogão e bancadas devem ser mais iluminadas e a tonalidade da luz deve ser neutra ou branca. É possível utilizar uma iluminação de destaque próxima aos armários com spots ou fitas de LED embutidas nas prateleiras. Lembrete importante: Nunca devemos instalar luminárias em cima do fogão ou cooktop, pois o calor pode danificá-las!


Iluminação: Painel de LED de sobrepor

Casa 120 | Projeto Studio 697

Iluminação: Painel de LED de embutir e pendentes sobre o balcão

Casa 64 | Projeto Studio 697


QUER SABER MAIS?


Envie um e-mail para a gente. Será um prazer conhecer o seu espaço e desenvolver um projeto luminotécnico personalizado para você!!


#iluminação #dicas #arquitetura #interiores #salas #quartos #cozinhas #banheiros #luzes #luminárias #apartamentos #iluminaçãoapartamentos

Postagens Relacionadas
Postagens Recentes